O Wonderclub nasceu com vontade de trazer visibilidade à literatura lésbica, tirar todos os panos que nos escondem atrás de todos os outros gêneros literários. Mulher que escreve, isso existe?

 

Sim sapa, existe e somos muitas. No Wonder temos 7 escritoras desenvolvendo temas exclusivos para a plataforma, mas temos outros sites que possuem mais outro tanto de escritoras, fora as que trabalham com seus blogs pessoais de forma independente, se eu for citar nomes, vou conseguir citar no mínimo cem nomes de escritoras dentro da literatura lésbica.

 

Somos conhecidas? Não!
Quando saímos dos grupos do Facebook e da nossa bolha social, ninguém sabe quem somos. Fora da internet não há nomes sólidos, não há mídia fazendo matéria, somos invisíveis e se não nos unirmos continuaremos invisíveis.

 

As lésbicas são invisíveis, as escritoras então, passam despercebidas, somos lendas urbanas. Aquelas que todo mundo já ouviu falar, mas não faz ideia se é verdade ou se é mentira.

 

Por que apoiar a literatura lésbica no Brasil? Para sair da invisibilidade?
Não, sapa! Não é só por isso.

 

Nós, mulheres, fomos criadas para sermos inimigas, sermos concorrentes de nós mesmas, nosso cabelo tem que ser o mais sedoso, o mais lindo, o mais colorido, Deus me livre ter fios brancos. Ah, Alice, mas essas são as héteros, né? Nós sapas somos diferentes. Somos? Tem certeza?

 

Quem nunca viu a amiga cantar a namorada da outra na hora que ela foi no banheiro? Quem nunca cantou a namorada da amiga? Quem nunca olhou para a amiga e se perguntou o porquê ela tem namorada? Quem nunca ridicularizou a amiga na frente da crush dela?

 

Somos diferentes? Não! A concorrência é a mesma. Somos mulheres e fomos criadas para sermos concorrentes. Fato.
E quanto mais pensarmos que somos concorrentes mais nos afastaremos, precisamos criar pontes e não muros.

 

Eu sou idealizadora do Wonderclub e conversei com muitas escritoras antes de tirar o Wonder do papel para ver se havia espaço para ele no mercado da literatura lésbica. Sim, há! Não viemos para ser concorrentes de outros sites, outras plataformas ou editoras. Nós viemos para difundir a literatura lésbica, seja das sete escritoras que trabalham no Wonder seja de outras escritoras.

 

Nós do Wonder queremos trazer visibilidade para a literatura lésbica, seja ela paga, gratuita, venda de e-books ou venda de livros físicos. O Wonder está de portas abertas para as escritoras e para as leitoras. Há espaço para todas, eu, Alice Reis, nunca vou escrever igual a Táttah Nascimento que nunca vai escrever igual a Dama da Noite que nunca vai escrever igual Bel Mazzanti que nunca vai escrever igual Fabiula Bortolozzo que nunca vai escrever igual Katia Viula que nunca vai escrever igual a Diana Rocco. Ninguém escreve igual a ninguém, cada uma tem sua técnica, cada uma cria as histórias de formas diferentes. Mistérios, amores, religião, sexo, fantasias, poesias, crenças, mundos diferentes, é o que temos na literatura lésbica.

 

Este post é para salientar que o Wonderclub veio para ser uma família, nossas escritoras com nossas leitoras, nossas leitoras com outras leitoras, nossas escritoras com outras escritoras, queremos acrescentar ao mundo lésbico. Também queremos mostrar nossa nova parceria com a editora Palavras, Expressões e Letras, carinhosamente conhecida como PEL.

 

“A Editora Palavras Expressões e Letras nasceu da vontade de construir um mundo melhor por meio da literatura. Livros tem o poder de nos levar a mundos reais ou imaginários sem sairmos do lugar: por meio deles nos apaixonamos, choramos, rimos, sonhamos. Acima de tudo: apenas um livro é capaz de fazer com que pensemos e mudemos certos conceitos de vida. A Editora PEL acredita que a escrita é o meio mais eficaz de mostrar que o mundo que vivemos é plural. Que as histórias, em sua essência, partem dos mesmos sonhos e desejos: o que muda é apenas o personagem que os interpreta.”

 

Nossa parceria é o resultado de uma longa conversa e uma longa discussão sobre a invisibilidade da literatura lésbica brasileira. A Paula Curi, produtora editorial da PEL, vem fazendo um excelente trabalho com escritoras lésbicas, tanto de editoração quanto de divulgação. Fiquem de olho nas novidades através do site da editora, através do Facebook: facebook.com/palavrasexpressoeseletras e Instagram: instagram.com/palavrasexpressoeseletras

 

Para celebrar essa parceria vamos sortear um livro da Marina Porteclis, Esquadros entre todas as assinantes do Wonderclub, fiquem de olho em nossa fanpage para a data do sorteio: facebook.com/wonderclub.com.br

 

A PEL está cheia de novidades para esse ano:
Cidade dos Corações Partidos de Marina Porteclis lançamento em maio.
A Chave da Casa de Débora Gomes, previsto para fim de junho.
Bastidores ato 1 da Bibiana Beurmann, previsto para junho.
O Triângulo da Sara Lecter, previsto para agosto.

 

Além dos lançamentos, a editora já tem vários livros publicados, dá uma olhada na loja online da PEL: www.editorapel.com.br/loja Aproveite e já compre seu livro e manda um para aquela crush. 😉

 

E para participar do sorteio do livro, fazer parte da nossa família e da revolução da literatura lésbica em nosso país e, ainda, ler vários outros livros, romances, contos e poesias de nossas escritoras, assine o Wonderclub: www.wonderclub.com.br e participe do sorteio do livro.

Sobre a autora
Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

apagarEnviar